terça-feira, 3 de julho de 2007

Rayos de sol no mundo de Ninguém.

Era uma vez [toda estória que começa com era uma vez tem final feliz, não sei se essa vai ter, pois o final não sou eu quem vai escrever.]
Era uma vez, em um lugar nem tão distante de qualquer outro lugar, um garoto que se chamava João, João Ninguém.
João vivia isolado no seu mundo particular o qual só ele entendia, ninguém notava João e/ou podia ver o seu mundo.
Certo dia andando por ai ele viu um Rayo* de sol. O primeiro da manhã.
Certo dia andando por ai, ela o viu.
Passou, olhou e sorriu.
E foi ela quem pôs as primeiras cores no mundo preto e branco de Ninguém.
Ele sorria agora como jamais sorrira um dia.
E por falar em dia, em um certo enquanto do alto de uma montanha ele se despedia do primeiro Rayo da manhã [por do sol], ele soltou no ar palavras que demonstravam o seu apreço.
Ela ouviu, sorriu e foi embora prometendo voltar no outro dia.
Ela se foi, ele não foi.
Ele não dormiu, esperando ela voltar.
[O fim da história não posso escrever, eu não estava lá para saber o que o primeiro Rayo da manhã falou, eu só vi João Ninguém oscilando entre as lágrimas, o medo e o sorriso.]

-

* o y no Rayo é proposital.
* Primeiro Raio da manhã, é o significado do nome Rayana.

A estória/história ainda não acabou.

Por favor me contem o final, eu não posso fantasia-lo.
.

40 comentários:

Alê Namastê disse...

Quero morar em um sol...um dia!
Beijos*

Ivson Oliveira disse...

Se eu te disser que tu é genial, tu não acredita, acredita? Teus textos são de uma emoção e uma pessoalidade impressionante. Sou teu fã.

Pedro disse...

uau.

em palavras, mas posso dizer que o joão ninguem esta prestes a se tronar um joão alguem!

,,
* Adoro tu Lu

Pedro disse...

*Sem palavras.

foi mal.

,,
* Bju LU.

subby disse...

"e o que deslumbra o olhar é preceber em todos esses seres incompletos a completa noção de um mesmo ser."

creio que essa é mais das histórias que começam com 'era uma vez' e tem final feliz, afinal, é mais uma história de amor.

você é incrível.

beijos.
:]

Fernanda disse...

Ninguém consegue viver sem raios de sol. Nem João Ninguém. Essa é minha aposta!

Bjos!!

Mariana, 16 aninhos. disse...

João Ninguém no seu mundinho, será que chora ou ri. Será que descobriu o Sol pra sempre ou só o encontrou num esbarrão?
Adorei! Adorei também o post do amor sob o guarda-chuva verde. tens uma ótima imaginação.

Anayar disse...

descobriremos no próximo capitulo

Mila disse...

eu até já previ esse final, só falta o rayo aparecer =/

ninguém vive sem um rayo de sol!

Mapa do meu nada disse...

concordo com o comentario de Pedro, ele agora já é um João Alguem...

seus textos são muito originais

, disse...

o blog de cima eh meu...
eh pq eh o antigo
loguei nele por engano
kkkkkkkkkkkkkkkkkk

onirê disse...

o_o/

BOA SORTE PRA JOÃÃÃÃO!!
XD
e que alguém leve um cobertor pra ele, se enão ele fica gripado
o/

beth disse...

meninaaa.. teu blogger ta cada vex mais lindo!!! e os texto.. estão fantastico.. te adoluu(L)
beijos

e uma otima semana!!

Rickie disse...

texto perfeitíssimo !!!
Kramba vc demais !!!

Tvz joão Ninguém só precisava de um alguém para se completar ... Quando ele a encontrou ... Tudo pareceu mudar, saum vida tomou novas cores ... e isso q acontece quando somos tomados por uma paixão ...

Blog Extraordinário !!!
Voltarei sempre !!!
Bjus!

Menina Lunar disse...

que coisa linda hein?
tô encantada.
posso voltar mais vezes?

ALF O Extasiado disse...

sim. Menina, que jetio tão diferente de con tar a história.
e ainda mais uam história linda, doce e encantadora.

Todos necessitamos um pouco do raio de sol. Ele ao vislumbrar essa magnitude ele finalmente se iluminou um pouco. Se apaixonou...

E ele a veria todos os dias.

E sua vida significaria algo e se tornaria inesquecível.

Lindo, profundamente.

Parabéns pelo texto.
Beijos
:)

Mário Márcio disse...

nossa,
quero sol no meu dia.
quero uma chuva para lavar a alma
e um amor para esperar no portão.

César Fernández disse...

Ual o_o

Adorei! Voltarei sempre!
Dá uma olhada no meu blog, e me responde se eu posso colocar o teu link lá^^

Claudia Lis disse...

Olá,

Que estória mais linda! Que bom que o Ninguém percebeu o Rayo de sol. Espero que ele se permita iluminar e que o Rayo, por sua vez, aqueça o coração desse Ninguém.

Obrigada pelos comentários. Gostei muito! Vou adicionar o seu Blog no meu LIS’UPGRADE, ok?

=)

Beijos

Quem disse...

Poh ! deve até estar ficando chato esse negócio de ficar sendo elogiada um monte neh !! todo mundo que entra aquii fica de cára !
Mas então. Voce é o tipo de pessoa que gosto muito de conhecer. Quem sabe, um dia apareço aí na sua terra e conversamos neh !
Bejoz do Quem

- Hélder disse...

hehehe

altas histórias,
criatividade!

x*
(postei lá)

Milla Loureiro disse...

oi amiga do café,estou te visitando e add seu link...
cai aqui sem qrer e ja adorei tudo!

JULIANA SILVA disse...

Todo mundo precisa de raio de sol pra tirar o morfo de dentro de si, principalmnete no inverno.

adorei ;*

Marco Schiavo disse...

Se Rayo de Sol teve força o bastante pra alcançar um mundo ilusório isolado de tudo, terá forças pra voltar...

Gabi disse...

Hum...

Sempre soube que um certo *rayo de sol ia entrar na vida do * João.
Só resta saber se ele entrou na vida dela também ;]

Tomara que sim

Srta.,posso passar aqui sempre que der,pra tomar um café na porta e ouvir algumas poesias?

Brigada,dia desses eu volto

Mas não esqueça,o meu com bastante açúcar.

;**

Obs. Vejo esse povo todo te elogiando e além de ficar super-orgulhosa,me sinto honrada por poder dizer: haha,ela é minha melhor amiga!

Te amo.

THiago RangeL disse...

o joão é um retrato de tudo aquele motim de timidez que existe dentro de nós...q junta todos os sentimentos, que são postos à mostra de uma forma não espontâneamente .

beijo

César Fernández disse...

Infelizmente aquele carinha não se deu muito bem com os meus outros cães :/
Só passei dois dias com ele, hoje levei prum lugar que faz adoções :/

Eu ia dizer que você pode me linkar, mas acabei de ver que já fez isso^^
E vou agora mesmo colocar o teu link lá no meu.

Foi uma ótima surpresa ver que você me add no Orkut! ^^

E, eu não posso deixar de comentar que... a srta. é muito linda^^

Bjos,
até mais o/

Anônimo disse...

o mundo eh meu!?

Anônimo disse...

www.fotolog.net/ninguemexiste

. m e l i n a . disse...

"... e o Rayo voltou como ele esperava, e veio para iluminar os dias preto e branco que Ninguém tinha e transforma-los em dias alegres, felizes e com muitas cores, Ninguém decidiu que a partir daquele dia Rayo não iria mais se separar dele e ficaria com ele para sempre, pois era o Rayo que iluminava Ninguém e o fazia acordar todas as manhãs com um sorriso no rosto. "

:*

*ZYKY*________________ disse...

AIhiAuIUAHAiuIAhuHAiUAiUAhIAHuhIA
quem será que começa tudo rindo???

bem...cada texto melhor q o outro, muito foda!!!



isso de novo né? q saco, mas prometo q na próxima serei menos chato...

flows!!!beijão!!!

FREE HUGS!!!

Claudia Lis disse...

Voltei,

Já está adicionada.
E vi que já me adicionou
Adorei! Obrigada!

=)

E quero ver o final dessa estória hein!

;-)

Beijos

atrás da porta disse...

oi menina, primeiramente obrigado pela visita, sim os poemas, textos, musicas ou do que quiser chamar são meus sim. vc toca tbm? se tiver algum material gravado me manda que gostaria de ouvir.
alexandreguerra@gmail.com

só li o primeiro post, gostei! vou ler com calma os outros tbm.

bjs e abs.

diovvani mendonça disse...

Ò, outro dia estive aqui, e li reli e acabei até imprimindo para levar pra casa. A cada texto seu, fico mais seu fã. MontanhosoAbraço.

Antônio Alves disse...

"Ele ficou até o fim dos tempos, ela se foi. Ele ganhou asas e vôou para alcançá-la. Dizem que virou uma estrela". Parabéns, minha amiga. Há braços!


Antônio Alves
No Passeio Público
Postagens às quartas e domingos

CH disse...

Bom...mais uma xícara servida, sorvida a goles lentos.
Enquanto leio...o que tem gosto e cheiro de fábula, mas não é :]
O certo é que vc trata bem a inspiração. E isso é bastante louvável!
Abraço do
Ch

César Fernández disse...

Nossa, tava lendo outros posts, muito bom mesmo o teu blog! Faz jus à quantidade de comentários que os posts recebem^^

Me sinto constrangido até... :S

Bruxx disse...

Aconteceu com o João, o que acontece com a maioria de nós.
Deixamos de notar vislumbres maravilhosos, que estão na nossa frente.
Não que sejamos culpados... por vezes é apenas falta de oportunidade.
Mas, quando nos deparamos com eles, verdadeiros milagres acontecem.


Amei seu "cantinho"!!!
Beijokinha carinhosa!

uma pergunta disse...

talvez João ninguem,se sinta alguem diante do Rayo de sol..
talvez esse medo seja o de se acostumar com Rayo e depois perde-la..
talvez a parte do seu dia que se sinta bem com Rayo não compense a outra parte q viver sem..
a única certeza é que o amor tem dessas coisas.
o final só se sabe depois que se chega lá.
bjos,moça!

Mano disse...

Hahahahha..pow deixa todo mundo curioso, hahaha, mas gostei da criatividade. Vc é dez mesmo, num tem jeito. Nossa são tantos encontros e desencontros nessas suas histórias. Elas são fantasias tão reais, às vezes reais demais, hahah...mas eu gosto de lê-las.
Bjão gatinha :)