quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

Escuro.

Todo poeta é triste.
E seus versos quase sempre são rimados.
Por tras do pranto sempre há a dor.
E por tras de um amor se esconde a solidão.
A flor mais bonita esteve nos pequenos cachos de outra flor.
A flor mais bonita, morreu.

terça-feira, 18 de dezembro de 2007

Lirio.

Nasceu, aparentemente igual as outras, com o mesmo destino também, passava os dias ninguém a notava ,todos passavam e ela sem ninguém. De tão cansada suspirou, perdeu o equilibrio caiu no chão. Não se sabe por quanto tempo ali ficou, até uma menina triste lhe colocar entre os cachos, reconhecendo o seu valor.

- Trajetória de uma flor. -